Hoje o dia é especial…

Hoje poderia ser mais um domingo,

Mais um dia igual a tantos outros,

Sol, chuva, bobeira,

Quiçá zoeira…

Mas, hoje, o dia nasce com um sabor inigualável:

Hoje, meu coração pulsa mais forte,

Minha mente vive mais acesa,

Minha alma se encontra em êxtase…

Hoje, nasceu Ela.

Ela que veio de mansinho na minha vida,

Ela que com seu jeitinho me conquistou inteirinho:

Ela, simplesmente ela.

Uma mulher única, singular, especial.

Ela e apenas ela sabe como tudo mudar,

Alguém que me fez melhor do que sou,

E ainda me ensinou o significado de amar.

Amar não apenas a si ou a Ela,

Amor em dobro que ultrapassa nossa caminhada terrena,

Amar com nome de Laura e Marinna,

A mais bela rima.

Ela que atende por Polliana,

Por Polly, por amor, pelo jeito que for,

Atende quando quer e quando pode,

A exata medida da necessidade da minha existência divina.

Exaltar meu amor será sempre pouco,

Pois palavras são menos que sentimentos,

Entretanto, dizer que te amo não canso,

Assim como dizer meus desejos que não são poucos:

Vamos deixar os mundanos para mais tarde,

Apenas declarar aqueles que todos podem ler sem piedade:

Saúde, paz, felicidade e muita vida ao meu lado,

Porém tem um que deve ser sempre recordado, lembrado e exaltado:

Meu muito obrigado.

Agradeço a Deus-Pai por estares no meu caminho,

Por teres criado vida na minha vida,

E de lambuja me dar o adjetivo que mais me reconheço: Ser pai.

E ainda preciso dizer obrigado,

Pelas escolhas que faz comigo,

Bem como pelas que não faz,

Um dilema que muito se traduz em verso e verdade:

Afinal, tu és tudo e nada,

Minha maior amiga e amizade,

Minha essência e profundidade,

Enfim,

Um paradoxo de amor, paixão/amor e verdade,

Tudo é Ela. Ela é Polliana. Ela está de aniversário.

Eu sou dela. Eu sou Gustavo. A ela dedico meus versos, poesia e vida.

E a vida eterna. Que quero que seja também com Ela!

Escrito para minha doce esposa, amiga, mulher, companheira, namorada, minha vida Polliana em 03/11/2019.

Gustavo Rocha