Amor, por Papa Francisco

Divido com vocês uma reportagem que li e que concordo: O amor se faz com obras e não apenas com palavras.

Papa Francisco afirmou hoje que o amor cristão é bem diferente do tipo de amor exibido nas telenovelas.

Em sua homilia da missa matutina na Casa Santa Marta, o Papa comentou um trecho da primeira Carta de João, quando diz que “se nos amamos uns aos outros, Deus permanece em nós e o amor d’Ele é perfeito em nós”.

 

“Nós em Deus e Deus em nós: esta é a vida cristã. Não permanecer no espírito do mundo, não permanecer na superficialidade, não permanecer na idolatria, não permanecer na vaidade. Não, não. Permanecer no Senhor. E Ele corresponde-nos: Ele permanece em nós. Mas antes é Ele que permanece em nós.”

O Papa advertiu que João não fala do amor das telenovelas. “Não, é outra coisa!”.

Francisco explicou que o amor cristão é sempre concreto.

“O próprio Jesus, quando fala do amor, fala-nos de coisas concretas: dar de comer aos esfomeados, visitar os doentes e tantas coisas concretas. O amor é concreto. A consistência cristã. E quando não existe esta consistência, pode-se viver um cristianismo de ilusões, porque não se percebe bem onde está o centro da mensagem de Jesus. Não chega este amor a ser concreto: é um amor de ilusões, como estas ilusões que tinham os discípulos quando, olhando Jesus, pensavam que fosse um fantasma.”

Papa assinalou dois critérios objetivos do amor cristão:

“Primeiro critério: amar com as obras, não com as palavras. As palavras são levadas pelo vento! Hoje estão e amanhã já não estão. Segundo critério do concreto: no amor é mais importante dar do que receber. Aquele que ama se doa… Dá coisas, dá vida, dá-se a Deus e aos outros. Ao contrário, quem não ama, quem é egoísta, sempre tenta receber, sempre tenta ter coisas, ter vantagens. Permanecer com o coração aberto, não como era aquele dos discípulos, que era fechado, que não percebiam nada: permanecer em Deus e Deus permanece em nós; permanecer no amor.”

(Com informações da Rádio Vaticano)

Fonte: http://www.aleteia.org/pt/religiao/noticias/papa-o-amor-do-cristao-nao-e-o-das-novelas-5890840106893312

Uma bela reflexão do que é o amor, não é mesmo?

Parar de falácias e agir.

Ajudar sem precisar divulgar, seja em Facebook, blog ou rádio/TV.

Fazer pelo outro sem pedir algo em troca.

Enfim, amar como Jesus nos amou (e ainda ama, obviamente).

#Ficaareflexão

 

Beijo no coração das gurias e abraço nos xirús!

Gustavo Rocha

Blog do Gustavo Rocha – PensarFazBem

gustavo@gestao.adv.br  |  (51) 8163.3333  |  www.blogdogustavorocha.com.br

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.