Ciclo

Ciclo
(Escrito por Gustavo Rocha)

Teus olhos a profundeza da minha alma,
Teu olhar, concupiscência da minha existência,
Teus lábios o doce néctar do amor,
E no teu beijo a sapiciencia da vida.

Amo-te a noite, na madrugada,
Amo-te sob a luz da lua e pela lua,
Amo-te minha donzela linda e amada,
Amo-te com toda minha vicissitude da vida.

És a volúpia da minha libido,
És a vontade do meu caminho,
És a poesia da minha vida,
Tudo és tu, minha linda.

Boa noite, beijo e abraço.
Boa noite e um carinho ao teu lado.
Boa noite e até daqui a pouco quando será bom dia,
Então, mais uma vez serei pura alegria em olhar nos teus olhos e dizer: bom dia meu amor, vamos levantar que já está na hora, já é outro dia…

Irei ver teu sono levantar e ir embora,
Enquanto mais um dia inicia, dia de labuta e de vida,
Mais um ciclo que se anuncia:
Um ciclo de amor e ode a ti, minha linda.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.