Ser

Ser

Travessuras
traquinices
sagacidades
e sem falsidades
nem maldades
o desejo
de pulsão
e crescimento
com poder
de amadurecimento.
Olhos
sagazes
vorazes
pertinentes
não maldizentes.
criança
de caracois
nos cabelos
o azul
das nuvens
tingindo
o corpo
franzino
com tino
ser criança
é voar
na liberdade
e apanhar
o sol
imaginário
da afabilidade
da simplicidade.
É ousar
pintar
a paisagem
interior
que nos
vai crescendo.

Agostinho Borges de Carvalho

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.